Categorias: Eletrônicos, Postura Infantil

A criança e a postura com o uso do celular

A criança e a postura com o uso do celular!

A vida hoje tem mudado a uma velocidade assustadora. Agora, temos tudo em nossas mãos. Quero falar um pouco em como isso pode interferir na postura.

  1. Postura, coluna vertebral, músculos e tendões 

  • Coluna

–  4 a 5x o peso da cabeça; tensão do músculo trapézio;

–  mudança do eixo da gravidade;

–  diminuição do fluxo sanguíneo cerebral por mau posicionamento da coluna.

  • Músculos e tendões

–  sobrecarga em tendões e ligamentos causando tendinites precoces. 

  • Postura sugerida:

posturacomousodocelular

 

  1. Distração e acidentes 

Celular e escada não combinam”.

  • Ao subir e descer as escadas, procure sempre utilizar o corrimão. Transite com calma pelos degraus, sem correr. E, caso necessite usar o celular, dirija-se à área de descanso entre os andares. Não fale ou tecle mensagens no celular enquanto estiver subindo, descendo ou andando.
  • A distração com o recurso diminui o campo de visão, de reação e a segurança da pessoa. Há um grande risco de acidentes como: tropeçar, cair, desequilibrar-se, chocar-se contra a parede, bater em outras pessoas passando, entre outros.
  • Dados de estudos brasileiro e britânico constatam que o uso do recurso pelo pedestre atrasa o seu deslocamento em apenas dois segundos. Neste período, a atenção do pedestre para o ambiente externo é zero. É essa pequena fração de tempo a responsável por acidentes.
  • Como no trânsito o tempo de distração, no mínimo, é de 6 a 8 segundos, o impacto ainda é maior, podendo causar atropelamento, choque entre carros e até capotamento.
  • A Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) alerta: faça uso dos eletrônicos portáteis com bom senso. Nunca andando ou dirigindo. Sua saúde e sua vida são preciosas.”

Obs.: texto retirado do site da CIPA na internet.

posturacomousodocelular

  1. Sono x Luz Azul

  • Se o discente quiser maximizar seu tempo aprendendo, ele deve dormir muito bem, Há pesquisas mostrando cientificamente que o repouso noturno de qualidade antes de um exame pode beneficiar a pontuação nos testes e que estudantes com sono insuficiente têm um pior desempenho cognitivo, além de afetar funções de ordem complexa que implicam na tomada de decisão e formulação de planos para alcançar um objetivo.” (Katie Almondes, psicóloga coordenadora do Departamento de neurociência do Comportamento do Sono na Associação Brasileira do Sono, ABS).
  • O ideal mesmo é ter um padrão regular de sono de pelo menos 8 horas”. (Dra. Rosana Cardoso Alves, neurologista infantil)
  • O sono é tão importante para o aprendizado quanto o exercício físico é para a resistência e saúde do corpo”. (Dra Katie Almodes);
  • Criança que dorme tarde, não cresce”. (Dr. José Belizário);
  • Cortisol: pico entre 7 e 8 horas da manhã tendo queda a noite;
  • Hormônios do crescimento: ligados à boa noite de sono;
  • Luz azul até 2 horas antes de dormir interfere diretamente no equilíbrio cortisol x GH / t3 e t4.

posturacomousodocelular

Renata Pereira Soares de Oliveira é membro da equipe multidisciplinar de dor pediátrica da Escola Paulista de Medicina e voluntária na ONG ACREDITE – Amigos da criança com reumatismo. Especialista em ortopedia – aparelho locomotor – pela Escola Paulista de Medicina, em Terapia Manual, reconhecida pelo Manual Conceps Institute na Austrália e em Pilates Clínico internacional pelo The Australian Physiotherapy and Pilates Institute – APPI, da Inglaterra. Fisioterapeuta, formada pela Universidade Católica Dom Bosco em Campo Grande/MS. 

Renata atende em seu consultório particular na cidade de Barueri (Alphaville) e é mãe do Théo, de 10 anos.

Deixe seu comentário!

1 comentário